Samsung lança novo Gear IconX com bateria mais duradoura

Android Fans gear-iconx Samsung lança novo Gear IconX com bateria mais duradoura segunda geração do Gear IconX Samsung Gear IconX 2018 Gear IconX 2016

Desenvolvido com foco principal para quem faz exercícios físicos, o Gear IconX tem acelerômetro e registra suas corridas e caminhadas.

A Samsung está lançando uma geração do Gear IconX,  com uma bateria mais poderosa. O fone de ouvido sem fio da Samsung, chegou ao mercado brasileiro em 2016, ma a autonomia de bateria era bem ruim, relata, muitos usuários. Com esse novo lançamento, a companhia deve mostrar aos fãs do dispositivo, que este, veio mais parrudo. A segunda geração do Gear IconX (2018), tem bateria de 82 mAh que dura até 5 horas ao tocar músicas por meio do Bluetooth; ou 7 horas no modo independente, reproduzindo conteúdo a partir da memória interna de 4 GB. No modelo anterior, duravam apenas 1,5 e 3 horas, respectivamente.

Esteticamente, ele é praticamente o mesmo. São dois lados intra-auriculares com uma superfície sensível ao toque para controlar a música. Na versão 2018, é possível chamar a assistente pessoal Bixby (apenas em inglês) para fazer uma ligação por meio de comandos de voz. Uma case com bateria de 340 mAh guarda e recarrega o Gear IconX.

Android Fans gear-iconx-2018-case Samsung lança novo Gear IconX com bateria mais duradoura segunda geração do Gear IconX Samsung Gear IconX 2018 Gear IconX 2016

Desenvolvido com foco principal para quem faz exercícios físicos, o Gear IconX tem acelerômetro e registra suas corridas e caminhadas no S Health com precisão limitada, pois não possui um GPS. O sensor de batimentos cardíacos, que estava presente na primeira geração, foi removido no modelo novo (é uma pena!).

O novo Gear IconX é compatível com iOS 9.0 e Android 4.4 ou superior com pelo menos 1,5 GB de RAM. Ele começa a ser vendido nesta quinta-feira (23) por R$ 1.499, pouco mais caro que a versão anterior.

Previous ArticleNext Article

Cometários

android-fans

Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi

Android Fans operacao-dourado Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi receptação oi internet claro

Ação da polícia, visa investigar e prender suspeitos de receptação de materiais das operadoras Oi e Claro, com os suspeitos, foram apreendido cerca de três milhões de reais em equipamentos

Foram presos no estado do Maranhão, suspeitos de receptações de materiais furtados das operadoras de telecomunicação, Oi e Claro. A operação da Polícia Civil, cumpriu 27 mandados de busca e apreensão,  um mandado de prisão contra o acusado Linderson Dourado Alves, cusado de ser o cabeça de um esquema de exploração clandestina de internet e, 12 conduções coercitivas.

Android Fans Linderson-Dourado-Alves-é-considerado-pela-polícia-como-o-líder-de-um-esquema-de-fornecimento-ilegal-de-internet Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi receptação oi internet claro   A polícia apreendeu diversos equipamentos como placas DSLAM Huawei (R$ 10.000,00), armários (suítes), modem, cabos de fibra ótica, GBICS ou conversor de interface (transceptor óptico interno usado em switches nas conexões de cabeamento estruturado, R$15 mil a R$30 mil reais), roteadores Voip, placa Voip, antenas, bateria de gel estacionaria.

O delegado Paulo Roberto da DDSD responsável pela ação, ponderou, que os alvos eram sites instalados em subestações clandestinas, montados com equipamentos furtados e/ou receptados da operadora Oi, Claro e outras.

Foram cumpridas ordem de busca e apreensão também na sede da OI e nas casas de funcionários. De acordo o delegado Paulo Roberto, a “simples instalação dos equipamentos furtados e instalados nos sites clandestinos, não é possível a distribuição do sinal de internet, para isso é necessário o acesso ao link através de senhas randômicas, que só podem ser fornecidas por operadores da própria concessionaria, no caso a Oi”.

Na operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em 25 municípios, além da região metropolitana de São Luís, São José de Ribamar, e em outras Regiões do Médio Mearim e Baixada Maranhense.

Operação Dourado na região Alto Turi

A polícia seguiu em ação na região do Alto Turi, ainda no estado do Maranhão, nas cidades de Governador Nunes Freire, Maranhãozinho e Nova Olinda do Maranhão, com um mandado de busca e apreensão, expedido pela Juíza da 1ª Vara Criminal de São José de Ribamar, Tereza Cristina de Carvalho Pereira Mendes. Nesta fase, foram apreendidos em caráter de flagrante, os suspeitos Frankiley Sá e Widson Junior da Silva Carvalho. Todos os suspeitos e materiais apreendidos, foram apresentados na Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), do Maranhão.

Android Fans operacao-dourado-2-1 Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi receptação oi internet claro   A operação envolveu 27 delegados, 70 investigadores, escrivães, peritos criminais e técnicos em telefonia. Ao todo, na operação dourado, resultou na apreensão de cerca de três milhões em equipamentos recuperados, 12 conduzidos coercitivamente, 04 prisões em flagrante delito e ainda o cumprimento de um mandado de prisão.

Fonte: Cidade de Verdade e SSP Maranhão

Tópicos mais populares

Escolhas do editor

%d blogueiros gostam disto: