Leilão da Receita Federa: iPhone 5S por R$ 560 e dois iPhones 6S por R$ 2.100

Android Fans leilão-da-receita-federal-iphone Leilão da Receita Federa: iPhone 5S por R$ 560 e dois iPhones 6S por R$ 2.100 leilão da receita rederal iphone leilão da Receita Federal itens apreendidos iPhone 5S por R$ 560

Veja como  realizar a compra desses e muitos outros aparelhos vendidos mais baratos no leilão da Receita Federal.

O novo leilão da receita federal, começa a partir deste mês de junho,  com diversos produtos apreendidos nos portos e aeroportos de Santos – SP e Porto Alegre – RS. Nos lotes com produtos eletrônicos, estão disponíveis um iPhone 5S por R$ 560, dois iPhones 6S por R$ 2.100 e até câmeras Canon EOS 600D T3i com lente por R$ 980 e R$ 686, baratinho. Ainda tem também um Moto Z de R$ 350 e uma Canon 20D por R$ 343.

O leilão da Receita Federal já está disponível para lances a partir de hoje (18 de junho), os lances passarão por uma classificação no dia 11 de julho em seguida, irá ao leilão final. Tudo pode ser feito pelo site, no entanto, para retirar o produto arrematado, os usuários deverão ir pessoalmente no Porto de Santos, no estado de São Paulo para fazer a retirada da mercadoria, pois a organização do leilão, não se responsabiliza em fazer entregas via correios ou pac.

Os produtos leiloados são itens apreendidos pela Receita Federal em portos e aeroportos. Não há como confirmar se todos os produtos estão prontos para uso ou se apresentam algum defeito. Caso tenha algum problema, a peça não poderá ser devolvida ou revendida.

Para fazer uma proposta, o participante precisa ter um certificado digital e estar com o CPF válido, sem qualquer restrição nos cadastros de proteção ao crédito. Para passar para a fase de classificação das ofertas, o usuário interessado, deve dar um lance de até 10% mais baixo que o do melhor valor oferecido pelo lote. Se o interessado arrematar produto e não fizer o pagamento, este será multado pela Receita Federal.

Além deste, há também um outro leilão da Receita Federal em aberto, com lotes de iPhone 6S, PS4 e GoPro Hero6. Os procedimentos para participar começaram na última quarta-feira (13), com previsão para durar até o dia 26 deste mês, quando estão previstos os arremates. A retirada deve ser feita no Rio Grande do Sul, onde os aparelhos estão armazenados, esperando pelo fim do leilão.

Confira logo abaixo, todos os lotes e preços dos produtos leiloados:

  • Lote 1 – Dois iPhones 6S: R$ 2.100 (em lojas online, o preço é de aproximadamente R$ 2.400 para cada aparelho);
  • Lote 3 e Lote 4 – Canon EOS600D/Rebel T3i com lente 18-55 mm: R$ 980 (em lojas online, cerca de R$ 1.480 + R$ 400);
  • Lote 48 – Canon EOS600D/Rebel T3i com lente 18-55 mm: R$ 686 (em lojas online, cerca de R$ 1.480 + R$ 400);
  • Lote 49 – Canon 20D: R$ 343 (modelo de 2004, dificilmente encontrado à venda no Brasil);
  • Lote 106 para pessoa jurídica – Seis tablets mini Power Pack e dois tablets mini Genesis: R$ 1.400 (em lojas online, cerca de R$ 150 cada);
  • Lote 110 – iPhone 5S dourado com 32 GB: R$ 560 (em lojas online, entre R$ 1.000 e R$ 1.500);
  • Lote 111 – Moto Z: R$ 350 (modelo não especificado; pode ser desde o primeiro Moto Z Play, que custa R$ 800 em lojas online).

 

Fonte: Receita Federal

Previous ArticleNext Article

Cometários

android-fans

Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi

Android Fans operacao-dourado Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi receptação oi internet claro

Ação da polícia, visa investigar e prender suspeitos de receptação de materiais das operadoras Oi e Claro, com os suspeitos, foram apreendido cerca de três milhões de reais em equipamentos

Foram presos no estado do Maranhão, suspeitos de receptações de materiais furtados das operadoras de telecomunicação, Oi e Claro. A operação da Polícia Civil, cumpriu 27 mandados de busca e apreensão,  um mandado de prisão contra o acusado Linderson Dourado Alves, cusado de ser o cabeça de um esquema de exploração clandestina de internet e, 12 conduções coercitivas.

Android Fans Linderson-Dourado-Alves-é-considerado-pela-polícia-como-o-líder-de-um-esquema-de-fornecimento-ilegal-de-internet Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi receptação oi internet claro   A polícia apreendeu diversos equipamentos como placas DSLAM Huawei (R$ 10.000,00), armários (suítes), modem, cabos de fibra ótica, GBICS ou conversor de interface (transceptor óptico interno usado em switches nas conexões de cabeamento estruturado, R$15 mil a R$30 mil reais), roteadores Voip, placa Voip, antenas, bateria de gel estacionaria.

O delegado Paulo Roberto da DDSD responsável pela ação, ponderou, que os alvos eram sites instalados em subestações clandestinas, montados com equipamentos furtados e/ou receptados da operadora Oi, Claro e outras.

Foram cumpridas ordem de busca e apreensão também na sede da OI e nas casas de funcionários. De acordo o delegado Paulo Roberto, a “simples instalação dos equipamentos furtados e instalados nos sites clandestinos, não é possível a distribuição do sinal de internet, para isso é necessário o acesso ao link através de senhas randômicas, que só podem ser fornecidas por operadores da própria concessionaria, no caso a Oi”.

Na operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em 25 municípios, além da região metropolitana de São Luís, São José de Ribamar, e em outras Regiões do Médio Mearim e Baixada Maranhense.

Operação Dourado na região Alto Turi

A polícia seguiu em ação na região do Alto Turi, ainda no estado do Maranhão, nas cidades de Governador Nunes Freire, Maranhãozinho e Nova Olinda do Maranhão, com um mandado de busca e apreensão, expedido pela Juíza da 1ª Vara Criminal de São José de Ribamar, Tereza Cristina de Carvalho Pereira Mendes. Nesta fase, foram apreendidos em caráter de flagrante, os suspeitos Frankiley Sá e Widson Junior da Silva Carvalho. Todos os suspeitos e materiais apreendidos, foram apresentados na Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), do Maranhão.

Android Fans operacao-dourado-2-1 Operação Dourado: Polícia civil do Maranhão prende suspeitos de furtar materiais da operadora Oi receptação oi internet claro   A operação envolveu 27 delegados, 70 investigadores, escrivães, peritos criminais e técnicos em telefonia. Ao todo, na operação dourado, resultou na apreensão de cerca de três milhões em equipamentos recuperados, 12 conduzidos coercitivamente, 04 prisões em flagrante delito e ainda o cumprimento de um mandado de prisão.

Fonte: Cidade de Verdade e SSP Maranhão

Tópicos mais populares

Escolhas do editor

%d blogueiros gostam disto: