Snapchat: príncipe saudita compra de 2,3% do app 0 1258

Al-Waleed, comprou as ações do Snapchat em torno de US$11 cada, bem abaixo das cotações de US$ 13,10 fechadas antes dos lucros da empresa começarem fluir

O príncipe saudita, Al-Waleed, investiu US$ 250 milhões na Snap Inc. para ajudar a sobreviver do aplicativo de mensagens. O próprio principe Al-Waleed Talal, twittou  um vídeo dele e do CEO da Snap, Evan Spiegel, informando sobre o montante de US$ 250 milhões em troca de uma participação de 2,3% na Snap Inc. O investimento levanta questões sobre o que os sauditas farão na direção do Snapchat.

A imprensa especula que Al-Waleed, comprou as ações em torno de US$11 cada, bem abaixo das cotações de US$ 13,10 fechadas antes dos lucros serem liberados. Com base nesses valores, significa que ele comprou em uma avaliação em torno de US$ 14 bilhões.

Os mandatários do Snap se recusaram a comentar as notícias a respeito das vendas de ações para o príncipe. Mas depois de uma queda inicial de 11%, depois que os lucros foram anunciados, as ações da Snap subiram para pouco menos que o preço de fechamento, à medida que o usuário encolheu, o investimento saudita naufragou.

O príncipe Al-Waleed Talal, já se juntou ao setor de tecnologia dos EUA, investindo no Lyft e no Twitter. Em outros lugares, ele recentemente fez investimentos no serviço europeu de streaming de música Deezer, bem como no gigante chinês de comércio eletrônico JD.com. Anteriormente, ele possuía ações da News Corp. e do Citigroup.

O dinheiro extra ajudará o Snapchat a se manter firme e dará mais tempo para estabilizar seus negócios. Com a sua contagem diária de usuários agora diminuindo, ele terá que encontrar maneiras criativas de extrair mais dinheiro daqueles que restam para manter o crescimento da receita. Isso pode levar tempo, e a Arábia Saudita acabou de dar mais uma mãozinha.

Fonte: TechCrunch
Veja também:

A faixa de 700 MHz foi liberada para 4G em todas as capitais do Brasil

Facebook é um dos principais navegadores móveis dos EUA

App espião do WhatsApp

Android Fans gui Snapchat: príncipe saudita compra de 2,3% do app Snapchat príncipe saudita Al-Waleed

Fanático por leitura e, louco por games e tecnologia. Técnico em informática, Web Designer. Atualmente estudo PHP/Java/Desenvolvimento para Android/Windows e Linux. Sempre me fascinei pelo mundo dos smartphones e plataformas de entretenimento.

Cometários

android-fans

O Samsung Galaxy S10 não terá suporte a redes 5G 0 7

Android Fans samsun-galaxy-s10 O Samsung Galaxy S10 não terá suporte a redes 5G smarphone dobravel Samsung Galaxy S10 5g

A informação foi revelada para a imprensa em uma entrevista ainda no lançamento do Galaxy S9.

 Ainda nem saiu da forma direito, o Galaxy S9, e os rumores sobre o Galaxy S10, já causam euforia. A décima edição da linha S, deve chegar na data de comemoração dessa variante, que completará dez anos em 2019.

O próximo ano, será o ano da internet 5G, época que a nova forma de conexão de internet, entrará de vez no mercado. Mas, infelizmente, o Galaxy S10 não irá ter suporte para a nova conexão 5G, e isto não é um rumor, é uma confirmação da própria Samsung.

O chefe da divisão mobile da Samsung, DJ Koh, revelou a informação para a imprensa logo depois do lançamento do Galaxy Note 9. Outra novidade, é que a empresa irá ser a primeira a lançar um smartphone dobrável no mercado, assim eles falam.

“Galaxy S10 não irá ser o primeiro smartphone 5G da Samsung, essa honra caberá a outro modelo”, DJ Koh. Toda via, nada se sabe que modelo é este, nada foi falado a respeito por Koh. Porém já há rumores para os candidatos, um é o suposto “telefone dobrável Galaxy F” que deve chegar em algum momento no primeiro semestre do ano, que provavelmente deve ser revelado no final de 2018 ou início de 2019, ou, o Galaxy Note 10, que será lançado em agosto ou setembro de próximo ano.

Segundo Koh, o smartphone dobrável da Samsung, dará início a uma era totalmente nova. “No futuro imediato, não existirá qualquer mudança no lançamento da série S na primeira metade do ano, e na linha Note, na segunda metade do ano.”

Com respeito ao 5G, ao que tudo indica, os fornecedores de rede móvel Sul Coreanos, estão a planejando lançar o 5G em março de 2019. A Samsung está trabalhando para que seja a primeira fabricante a disponibilizar um aparelho 5G no mercado.

Fonte: BGR

Android Fans gui O Samsung Galaxy S10 não terá suporte a redes 5G smarphone dobravel Samsung Galaxy S10 5g

Fanático por leitura e, louco por games e tecnologia. Técnico em informática, Web Designer. Atualmente estudo PHP/Java/Desenvolvimento para Android/Windows e Linux. Sempre me fascinei pelo mundo dos smartphones e plataformas de entretenimento.

Tópicos mais populares

Escolhas do editor

%d blogueiros gostam disto: