Instagram com chamadas de voz e vídeo

O Instagram começa se preparar para embarcar no mundo das chamadas de voz e vídeos.

O aplicativo de fotos irá expandir a sua lista de funcionalidades com a disponibilizando para os milhões de usuários, o recurso de chamadas de voz e vídeo.

Os primeiros rumores sobre a funcionalidade que também está presente no WhatsApp e Facebook Messenger, no início deste ano.

Um leitor do TechCrunch, detectou os ícones com nomes como “action_call” e “vídeo call” em um APK disponibilizados na rede, o que comprova que o Instagram está mesmo trabalhando nesta funcionalidade. No final do ano passado uma publicação no site direct havia citado a possibilidade do aplicativo disponibilizar par ao público, a opção de chamadas de voz e também de vídeo. Mas naquele post, citava apenas como uma ideia que o app poderia seguir, para concorrer com os demais aplicativos que começaram tomar espaço dos Instagram. Já o site WABetaInfo publicou em  janeiro, que a funcionalidade seria lançado para dispositivos Android e iOS nos próximos meses.

Até aqui, o porta-voz do Instagram recusa-se a comentar sobre o rumor.

Previous ArticleNext Article

Cometários

android-fans

Snapchat: príncipe saudita compra de 2,3% do app

Al-Waleed, comprou as ações do Snapchat em torno de US$11 cada, bem abaixo das cotações de US$ 13,10 fechadas antes dos lucros da empresa começarem fluir

O príncipe saudita, Al-Waleed, investiu US$ 250 milhões na Snap Inc. para ajudar a sobreviver do aplicativo de mensagens. O próprio principe Al-Waleed Talal, twittou  um vídeo dele e do CEO da Snap, Evan Spiegel, informando sobre o montante de US$ 250 milhões em troca de uma participação de 2,3% na Snap Inc. O investimento levanta questões sobre o que os sauditas farão na direção do Snapchat.

A imprensa especula que Al-Waleed, comprou as ações em torno de US$11 cada, bem abaixo das cotações de US$ 13,10 fechadas antes dos lucros serem liberados. Com base nesses valores, significa que ele comprou em uma avaliação em torno de US$ 14 bilhões.

Os mandatários do Snap se recusaram a comentar as notícias a respeito das vendas de ações para o príncipe. Mas depois de uma queda inicial de 11%, depois que os lucros foram anunciados, as ações da Snap subiram para pouco menos que o preço de fechamento, à medida que o usuário encolheu, o investimento saudita naufragou.

O príncipe Al-Waleed Talal, já se juntou ao setor de tecnologia dos EUA, investindo no Lyft e no Twitter. Em outros lugares, ele recentemente fez investimentos no serviço europeu de streaming de música Deezer, bem como no gigante chinês de comércio eletrônico JD.com. Anteriormente, ele possuía ações da News Corp. e do Citigroup.

O dinheiro extra ajudará o Snapchat a se manter firme e dará mais tempo para estabilizar seus negócios. Com a sua contagem diária de usuários agora diminuindo, ele terá que encontrar maneiras criativas de extrair mais dinheiro daqueles que restam para manter o crescimento da receita. Isso pode levar tempo, e a Arábia Saudita acabou de dar mais uma mãozinha.

Fonte: TechCrunch
Veja também:

A faixa de 700 MHz foi liberada para 4G em todas as capitais do Brasil

Facebook é um dos principais navegadores móveis dos EUA

App espião do WhatsApp

Tópicos mais populares

Escolhas do editor

%d blogueiros gostam disto: